segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

  • 19:22



Os arquétipos são uma espécie de estado primitivo de uma determinada coisa ou pessoa. Está no inconsciente coletivo e é um estado arcaico universal desde os tempos mais remotos. 

Segundo Jung: “Nenhum arquétipo pode ser reduzido a uma simples fórmula. Trata-se de um recipiente que nunca podemos esvaziar, nem encher. Ele existe em si apenas potencialmente e quando toma forma em alguma matéria, já não é mais o que era antes. Persiste através dos milênios e sempre exige novas interpretações. Os arquétipos são os elementos inabaláveis do inconsciente, mas mudam constantemente de forma.”
E assim são os Arcanos Maiores do Tarô; arquétipos onde cada um tem diversas faces com uma mesma essência.
Podemos considerar que todos nós temos em nosso interior todos os arquétipos dos Arcanos Maiores, onde alguns se sobressai de outros dependendo da formação e história de cada um.

Binha Martins




Contatos para Atendimentos e Cursos com Tarô:
11 96443.7856 / 11 98064.9528 / 19 3645.5861
espacocomciencia@live.com
skype: espacocomciencia



Reações:
Agende seu Atendimento ou Aula Fale Conosco