sexta-feira, 22 de janeiro de 2016


Cada estação do ano pode ser reconhecida através de constelações "chaves", que são grandes e de fácil localização, formadas por estrelas brilhantes, e que geralmente podem ser vistas até mesmo em regiões com alto nível de poluição luminosa, como São Paulo por exemplo. Vale ressaltar que estamos nos baseando no hemisfério sul. No final desta página, veja também o reconhecimento no hemisfério norte¹.

Abaixo, veja qual é a constelação simbolo de cada estação do ano, aqui, no hemisfério sul:




Estação: Outono
Constelação Símbolo: Leo (Leão)
Estrelas e objetos: Regulus (α) , Denebola (β) , Algeiba (γ).




Estação: Inverno
Constelação Símbolo: Scorpius (Escorpião)
Estrelas e objetos: Antares (α) , Shaula (β) , Lesat (γ).




Estação: Primavera
Constelação Símbolo: Pegasus (Pégaso)
Estrelas e objetos: Markab (α) , Enif (ε).




Estação: Verão
Constelação Símbolo: Orion (Órion)
Estrelas e objetos: Betelgeuse (α) , Rigel (β) , Bellatrix (γ) , Saiph (κ) , Mintaka (δ) , Alnilan (ε) , Alnitak (ζ) . Nebulosa de Orion (M 42).



No hemisfério sul, é muito utilizado o termo "triângulo de verão", para o triangulo imaginário formado pelas estrelas Betelgeuse de Orion, Sírius de Canis Major e Procyon de Canis Minor.

      
Vale lembrar que, no hemisfério norte, essa formula é alterada, pois quando no hemisfério sul é verão, no hemisfério norte é inverno, portanto:

No hemisfério norte: no Outono a constelação é Pegasus, no Inverno é Orion, na primavera é Leo e no Verão a constelação símbolo é Scorpius. 

Imagens obtidas através do programa Stellarium



Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Agende seu Atendimento ou Aula Fale Conosco